Segurança no esporte a motor (incrível)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Segurança no esporte a motor (incrível)

Mensagem  Renan em Seg Mar 01, 2010 4:33 pm

Desde o seu início, os esportes a motor sempre foram muito perigosos. Felizmente, graças ao desenvolvimento da tecnologia, capacetes, cockpits e tanques de combustíveis foram aperfeiçoados, diminuindo e muito o número de acidentes fatais.

Basta olhar as estatísticas do número de acidentes fatais na principais categorias:

24 HORAS DE LE MANS:

1940s - 1
1950s - 1
1960s - 2
1970s - 1
1980s - 2
1990s - 1
2000s - 0

Fórmula 1:

13 pilotos morreram na década de 1950;
14 na década de 1960;
11 na década de 1970;
4 na década de 1980;
2 na década de 1990
NENHUM na década de 2000


Champcar:

1980s - 2
1990s - 4
2000s - 0


NASCAR:

1950s - 1
1960s - 5
1970s - 3
1980s - 5
1990s - 3
2000s - 1*

*A NASCAR tem uma historia parecida coma da Fórmula 1: depois de perder o melhor piloto (Dale Eamhardt) nunca mais ocorreram acidentes fatais. É fato lembrar que Eamhardt morreu por uma parada cardíaca, não por falta de segurança.


Fórmula 3 (todas)

1990s - 2 (ambas no Japão)
2000s - 0


A Indy é o único caso especial: Já morreram 2 pilotos nessa década.

A prova que a segurança é extremamente importante está no vídoe abaixo. Foi o último acidente fatal. Aconteceu na Fórmula 2 e vitimou o filho de John Surtees (campeão na F1 em 1964) Henry Surtees. Por se tratar de uma categoria barata (coisa do Max Mosley), eles não investiram na segurança. Se ela estivesse em primeiro plano, o pneu do outro piloto jamais teria se soltado:

http://www.youtube.com/watch?v=j1zqL86w0Gk
avatar
Renan
Piloto de GP2
Piloto de GP2

Número de Mensagens : 611
PSN ID : Renanvelocidade_


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum